Blog

3 dicas para otimizar o transporte com cargas fracionadas no rodoviário

quarta-feira, 7 de abril de 2021

3 dicas para otimizar o transporte com cargas fracionadas no rodoviário

Para o planejamento e a gestão logística, alguns conceitos são indispensáveis para fortalecer a estratégia. Por exemplo, compreender o objetivo de cada modelo e as diferenças entre carga fracionada e carga completa é essencial. Isso porque esse entendimento é sinônimo de preparo para escolher o serviço certo para cada demanda.

Na prática, conhecer as características e os benefícios do transporte de cargas fracionadas traz uma série de outras vantagens para a empresa, gerando, inclusive, redução de custos. De outro, a qualidade do serviço de transporte também aumenta, contribuindo para a fidelização do cliente final. 

Agora que você já conhece a importância da carga fracionada, que tal avançar e conhecer melhor esse conceito e sua aplicação? 

Continue lendo o artigo! 

O que é a carga fracionada?

A carga fracionada é uma solução que pode ser explorada por empresas que buscam melhorar a qualidade do serviço de entrega e, ao mesmo tempo,  aumentar sua lucratividade. 

No transporte com carga fracionada, a entrega é feita para mais de um cliente em uma mesma viagem. Com isso, se a empresa tem um volume menor de produtos, ela pode pagar apenas pelo espaço necessário do caminhão ou container para o transporte da carga. 

A lógica da carga fracionada é a mesma do transporte marítimo LCL, que permite a consolidação de mercadorias de vários clientes em um único container. 

Contudo, é importante destacar que, nessa modalidade, é necessário reunir cargas semelhantes no mesmo caminhão, já que não é possível transportar produtos de categorias muito diferentes no mesmo veículo. 

Desse modo, é preciso consultar o prazo de consolidação das cargas fracionadas. 

Quais os benefícios do transporte de carga fracionada?

Mas, afinal, será que vale a pena usar o transporte de carga fracionada? Para avaliar e entender se vale a pena aderir a essa modalidade de transporte, você precisa conhecer os benefícios dessa alternativa. A seguir, elencamos os principais. Confira:

 

Aumento da lucratividade

Esse é um ganho que beneficia tanto transportadoras quanto empresas usuárias do transporte de carga fracionada. Afinal, desse modo, é possível evitar que cargas pouco volumosas usem um caminhão inteiro, deixando um espaço ocioso. 

Já para os clientes, a modalidade é uma opção mais vantajosa economicamente. Isso porque o custo do transporte de carga fracionada é rateado entre todos os clientes que estão sendo atendidos. 

Em outro modelo, a empresa pagaria pela exclusividade de um veículo dedicado apenas para suas entregas, cobrindo, inclusive, os custos do espaço ocioso no baú do caminhão. 

 

Agilidade nas entregas

Ao optar pela carga fracionada, as empresas também podem garantir mais agilidade nas entregas, melhorando a satisfação do cliente final. Na prática, com o planejamento adequado da rota, as transportadoras conseguem fazer mais entregas em um mesmo período, já que os destinos estarão no roteiro de entrega. 

 

Otimização de estoque

Com o transporte de carga fracionada, a empresa não precisa manter grandes estoques. Afinal, os envios de mercadorias são feitos com mais agilidade, permitindo estabelecer uma frequência maior na reposição de produtos.

Dessa maneira, você evita armazenar mercadorias paradas por muito tempo, diminuindo a ocupação de espaço físico da empresa. 

Como as empresas podem otimizar a utilização dessa solução: 3 dicas valiosas 

Se você está pensando em adotar a carga fracionada para o transporte de mercadorias da sua empresa, vale entender como você pode se adequar para obter resultados positivos  com o uso dessa modalidade. Confira algumas dicas: 

 

1. Separe as encomendas pequenas

A transportadora irá fazer essa classificação internamente. Isso porque volumes grandes e pequenos não são misturados em uma mesma viagem devido ao tempo de descarga e à segurança dos produtos. Portanto, de preferência, reúna encomendas pequenas e mais frágeis em uma remessa e produtos maiores em outra. 

 

2. Conheça os prazos de entrega estimados pela transportadora

Antes de optar pela carga fracionada, vale consultar a transportadora sobre os prazos de entregas previstos. Sabendo disso, considere que a rota total pode levar mais tempo, afinal são várias as paradas de entrega da rota. 

 

3. Consulte a transportadora sobre o rastreamento da carga 

O transporte de carga fracionada é usado, principalmente, por empresas de e-commerce e lojistas. Por isso, o rastreamento dos pedidos é fundamental: o cliente quer saber onde o seu produto está e qual a previsão de entrega. Portanto, antes de contratar o transporte de carga fracionada, verifique se a transportadora oferece esse tipo de serviço, permitindo o acompanhamento da movimentação da carga. De outro modo, essa também é uma ferramenta que garante maior segurança no transporte.

 

Gostou do artigo e quer saber mais sobre outras modalidades de transporte? Continue acompanhando o blog da ASIA Shipping.

CTA